[ad_1]

São Paulo

Um dos trechos mais aguardados de “Xuxa, o Documentário” é o encontro da Rainha dos Baixinhos com Marlene Mattos, sua ex-empresária, que está previsto para ser exibido no quinto e último episódio da série documental em agosto. No Domingão com Huck deste domingo (23), ao lado de Pedro Bial e de sua filha, Sasha, Xuxa falou mais sobre o reencontro. “Foi decepcionante”, disse.

“Marlene está bem fadinha, não a bruxa que era”, afirma Xuxa sobre a participação da ex-empresária na série documental.

Ela conta que Marlene, no começo, era uma pessoa doce, carinhosa e prestativa. “Depois de alguns anos, ela se transformou no que ela se transformou. Uma pessoa que tirou minha liberdade de andar, de falar, de fazer e tudo mais”, explica. “Eu queria deixar claro uma coisa: as pessoas mudam. Eu mudei muito desde o início. Se tiver uma pessoa hoje, que me fale o que ela falava, eu não ia aceitar, eu não vou aceitar.”

“Só que eu vi uma pessoa que não mudou”, complementa. “Eu gostaria que, quando eu sentasse ali, ela dissesse assim: ‘cara, me desculpa’. Ela, inclusive, falou para o Pedro [Bial] que não ia para pedir desculpas, mas eu queria que, de alguma maneira, ela falasse. Talvez com o olhar, de alguma maneira. Ou dizer ‘eu mudei’.”

“Foi tenso”, disse Bial, que é diretor do documentário. “A Marlene construiu uma fortaleza em torno da Xuxa, mas essa fortaleza, com o tempo, se transformou numa prisão. Eu acho que a Xuxa teve a grandeza de encontrar com Marlene de novo.”

Na cena exibida no Domingão, Xuxa diz: “eu não posso falar tudo sobre a Marlene, porque, se não, vão querer prender a Marlene”. Ao que a empresária responde: “pode falar. Os teus fãs já me veem assim. Não ligo”.

Após a cena, Luciano Huck comentou que foi muito difícil assistir o encontro de Xuxa com Marlene, porque ele também teve uma relação muito intensa com a empresária. “Quando eu cheguei na Globo em 2000, as duas pessoas que me acolheram muito foram a Xuxa e a Marlene. Então, eu tenho gratidão pela Marlene, mas entendo tudo que você falou ali na entrevista”, disse Huck.

Durante 19 anos, Marlene Mattos foi quem organizou toda a carreira e, segundo Xuxa, também a vida pessoal dela. As duas romperam a amizade e a relação profissional e se reencontraram pela primeira vez para o documentário.

Xuxa e Sasha falam também sobre imagens inéditas do parto

Para o documentário, a equipe encontrou também cenas inéditas de seu parto que serão exibidas na produção do Globoplay. “Foi emocionante assistir com ela. O mais emocionante foi ver a reação dela, o desespero ali do momento de não me ter no colo dela rápido como ela esperava, já que eu demorei um pouquinho para chorar”, disse Sasha no Domingão.

“Ouvir dela também o que ela sentiu naquele momento. A gente sempre brinca que é raro ver minha mãe chorar. Então, ela se emocionando com as imagens e eu me emocionando com ela. Foi um momento muito bonito e eu sou eternamente grata a você [Bial] por ter encontrado tudo isso e ter proporcionado esse momento juntos. Foi muito especial”, complementou a filha de Xuxa.

A Rainha dos Baixinhos, então, falou sobre como a maternidade mudou sua visão sobre privacidade e a fez querer ter mais autonomia sobre a própria vida.

“Eu sempre achei que tava tudo bem do jeito que eu estava levando minha vida. As pessoas me levando e eu me deixando levar pelas pessoas. Quando eu viro mãe, eu comecei a ver o mundo de outra maneira. Eu queria que ela tivesse orgulho de mim. Eu falava: ‘não quero que ela veja a mãe dela sendo guiada pelos outros, meio fantoche…’, aí mudou muito minha cabeça.”

[ad_2]

Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *