Na semana passada, os membros do SAG-AFTRA, sindicato dos atores de Hollywood, entraram em greve — juntando-se, portanto, ao sindicato americano de roteiristas (WGA), cuja greve começou há quase três meses —, de modo a paralisar as produções de filmes e séries.

A situação, é claro, tem afetado praticamente todas as gigantes do cinema e do streaming, incluindo o Apple TV+. No entanto, o sindicato dos atores concordou em estabelecer uma exceção para a série “Teerã” (“Tehran”), que continuará filmando a sua terceira temporada normalmente — a qual ainda não possui data de lançamento, diga-se.

Homem segura cartaz em apoio às greves dos sindicatos dos atores e dos roteiristas de Hollywood

Isso, entretanto, só foi possível devido a alguns fatores. Embora existam exceções para produções de baixo orçamento, outras devem assinar um acordo o qual diz efetivamente que estarão vinculados aos acordos firmados com a Alliance of Motion Picture and Television Producers (AMPTP) após a greve.

Tais isenções são voltadas para produções independentes, especificamente aquelas que não estão sendo feitas por empresas que fazem parte da AMPTP. No caso da série da Maçã, porém, o Deadline destacou um outro fator contribuinte: o fato de ela ter sido produzida e exibida em uma rede de TV israelense antes que a Apple comprasse os direitos de exibição.

Separadamente, conforme apontado pelo AppleInsider, as filmagens do novo filme do Apple TV+ sobre Fórmula 1 têm seguido. Parece que, embora o elenco esteja respeitando as regras do sindicato e tenha suspendido os trabalhos, estão sendo feitas filmagens das corridas do Grande Prêmio da Hungria.

O Apple TV+ está disponível no app Apple TV em mais de 100 países e regiões, seja em iPhones, iPads, Apple TVs, Macs, smart TVs ou online — além também estar em aparelhos como Roku, Amazon Fire TV, Chromecast com Google TV, consoles PlayStation e Xbox. O serviço custa R$14,90 por mês, com um período de teste gratuito de sete dias. Por tempo limitado, quem comprar e ativar um novo iPhone, iPad, Apple TV, Mac ou iPod touch ganha três meses de Apple TV+. Ele também faz parte do pacote de assinaturas da empresa, o Apple One.


Ícone do app Apple TV
Apple TV
de Apple

Versão 1.7.6 (790.5 KB)
Requer o iOS 10.2 ou superior

NOTA DE TRANSPARÊNCIA: O MacMagazine recebe uma pequena comissão de vendas concluídas por meio de links deste post, mas você, como consumidor, não paga nada mais pelos produtos comprando pelos nossos links de afiliado.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *